Dez de Bastões

From Wiki
Jump to: navigation, search
Tarot de Rider-Waite
Tarot de Marselha
Tarot Mitológico
Tarot de Toth

Representa a vontade enérgica e esclarecida do Homem, que poderá manifestar, com persistência e independência, as experiência que acumulou no plano material.

  • Mental: Inspiração com relação ao domínio que pode ser alcançado no plano psíquico.
  • Anímico: Sentimentos familiares elevados. Fundação de uma linhagem, com bases sólidas.
  • Físico: Prosperidade nos negócios e empreendimentos. Saúde equilibrada.

Interpretações usuais na Cartomancia

  • Significa a opressão, mas é também fortuna, lucro, qualquer espécie de sucesso; pode, então, representar a pressão das próprias conquistas. E também uma carta de falsa aparência, disfarce, traição. Se o assunto for uma demanda judicial, pode haver certo prejuízo.
  • (–) Contrariedades, dificuldades, intrigas.

Significa cidade estrangeira, o exterior. Denota prosperidade, ganho, êxito. Porém, se for seguida de Nove de Espadas, indica insucesso, perda de processo. Representa viagens, empreendimentos que têm toda a probabilidade de êxito e estabilidade. Êxito, reputação, celebridade pelas artes ou ciências. Alta recompensa devida ao mérito. Realização de atos que darão alegria e segurança.

Interpretações de Ocultistas e Tarólogos

  • Arrien — Restrição Espiritual, Repressão — Auto-opressão, ou contenção de comunicações por medo da forma como seriam recebidas.
  • Cowie — Idéias em demasia. A mente está tão ocupada pensando sobre muitas coisas que se tornou seu pior inimigo. Ela não pode enxergar a floresta por causa das árvores.
  • Aleister Crowley — O Senhor da Opressão. Saturno em Sagitário. A Força destacada de suas fontes espirituais. Fogo em seu aspecto mais destrutivo; uma força cega que sugere opressão e repressão. É o que ocorre quando se usa a força, força, e apenas a força todo o tempo.
  • Eakins — A Jaula. Sentir-se preso numa armadilha ou oprimido. Ou uma tremenda oportunidade para se tornar um co-criador com a força primordial em um plano físico. Aplicar a experiência de pico do 9 de fogo à vida cotidiana.
  • Fairfield — Uma Questão de Identidade. Sentir-se confortável consigo mesmo mas consciente de que este é um momento de escolha. Por agora, ficar em cima do muro.
  • Greer — Criatividade bloqueada por responsabilidades em excesso, ou a importância de desenvolver um senso de responsabilidade. Perseverança para atingir um objetivo. Fardos.
  • Noble — Uma liberação de todas as energias que se construíram com o tempo e que de vez em quando tomam conta da personalidade.
  • Pollack — Fardo e opressão pela vida, sobretudo pela responsabilidade. Fardos demais ou se livrar de fardos.
  • Sharman-Burke — Um fardo desaparecerá em breve ou um problema será resolvido. O fardo pode ser físico, mental ou emocional, e é, com freqüência, auto-imposto, mas alguma coisa pode ser feita para aliviar o peso agora.
  • Stewart — Responsabilidade. Expressa Intenção, Poder Manifesto, Ação e Reação. O aglomerado de uma vontade manifesta. Se a intenção for alinhada com a vontade da Luz, uma força potente de equilíbrio e controle. Se separado da Luz de dentro, um fardo ou o efeito aparente de energias e forças sobre nós em vez de através de nós.
  • Waite — O sentido principal é simplesmente a opressão, mas também é sorte, ganho, qualquer tipo de sucesso e depois a opressão dessas coisas. Uma carta de aparências falsas, disfarce e perfídia.
  • Walker — Opressão. Triunfo da tirania, mau uso do poder, autoridade egoísta, pressão excessiva, punição da ambição.
  • Wanless — Crescimento. Crescimento acelerado por meio do esforço consciente. Aspirar a patamares mais elevados, testar os limites e se expandir. Atingir a consciência mais elevada por meio da manifestação de seus sonhos e paixões.
  • Riley — Energia ao Extremo. Atingir a glória plena do fogo-paixão, intuição, espírito e joie de viver; ou atingir o extremo oposto do fogo: a extinção.

Ver Também